terça-feira, março 04, 2008

AML vai poder alargar “Casa Abrigo”

A Associação de Moradores das Lameiras (AML), vai poder, muito em breve, proceder ao alargamento do seu Centro de Acolhimento para Mulheres em "Situação de Emergência" (vítimas de violência doméstica) e seus filhos, aberto ao Concelho de Vila Nova de Famalicão e ao Distrito de Braga.

Esta valência é um espaço de apoio, mas também um espaço onde se observa, investiga, previne, ajuda, encaminha e acolhe, para que a sociedade de amanhã seja uma sociedade de igualdade de oportunidades entre homens e mulheres, onde os Direitos Humanos sejam direitos de todos.

De modo a alargar a capacidade resposta da “Casa Abrigo” e responder às necessidades desta realidade e aos apelos da própria Segurança Social, a Câmara Municipal deliberou na sua ultima reunião ordinária, ocorrida na passada quarta-feira, alienar à AML a habitação nº 249 do Complexo Habitacional das Lameiras, de que é proprietária, contigua àquele espaço, por 32 mil euros, um valor inferior ao valor comercial do imóvel.

Sem comentários: