segunda-feira, agosto 29, 2005

HABITAÇÃO - Loteamento da Quinta de Rebordelo

Adjudicada a empreitada das obras de infra-estruturas
Inserido no programa municipal “Mudar de Casa, Mudar de Vida”, na sua vertente de infra-estruturação de terrenos para futura venda e promoção directa de habitação, a Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão aprovou na passada reunião de 16 de Agosto, a adjudicação da empreitada de construção das infra-estruturas do loteamento habitacional para a denominada «Quinta de Rebordelo», na freguesia de Ruivães.
A empreitada foi adjudicada à firma Manuel da Costa Amaro & Cª, Lda, pelo valor de 994.975,72 € (IVA incluído) e o prazo de construção é de 365 dias.
Com uma área de 60.000 m2, o projecto contempla a infra-estruturação de 73 lotes, destinados à construção de 70 moradias unifamiliares isoladas e 3 edifícios multifamiliares. Cada lote destina-se à construção de edifícios de cave, rés-do-chão e andar, com excepção dos três lotes onde serão erigidos os edifícios multifamiliares cuja cércea será de rés-do-chão mais dois pisos.
Destinado a albergar mais de quatro centenas e meia de pessoas, está-se, segundo o vereador da Habitação, Jorge Paulo Oliveira, “Perante um projecto e um investimento camarário que, além de suprir manifestas carências habitacionais desta freguesia, há muito reclamadas pelos sucessivos executivos autárquicos locais, permitirá o aparecimento de uma nova comunidade, num espaço dotado de qualidade de vida e integrado paisagísticamente de forma excepcional”.

Sem comentários: