segunda-feira, Fevereiro 26, 2007

Formação de Actores para Televisão

.


O Pelouro da Juventude apresentou em conferência de imprensa, ocorrida ao inicio da tarde de hoje, a iniciativa “Formação de Actores para Televisão” que irá decorrer em Vila Nova de Famalicão, na Casa das Artes.

Trata-se de uma iniciativa inédita no concelho, feita em parceria com a agência de actores e modelos EmAgenda que vai contar com a participação de conhecidos actores da televisão nacional e de directores de actores consagrados. Durante um período de quatro meses (1º de Março a 7 de Julho), aos sábados à tarde, os formandos terão sucessivos módulos como o Movimento/Danças de Salão; Movimento/Danças Africanas; Movimento; Voz; Maquilhagem/Caracterização, Interpretação, Escrita para Televisão; Técnicas Audiovisuais; História do Teatro; Adereços e Figurinos, Iluminação e Imagem, Fotografia e Técnicas de Casting.

A “Formação de Actores de Televisão” terá um custo de 125,00 Euros por mês, um valor substancialmente muito mais baixo que os habitualmente praticados no país. A inscrição, no valor de 25,00 Euros, será gratuita para os portadores do Cartão Jovem Municipal e o número limite de participantes é de 50 jovens, divididos em 2 turmas. As inscrições poderão ser feitas até ao dia 2 de Março, sendo que as Provas de Selecção correm a 3 de Março.


Texto da Conferência de Imprensa

A Educação Não Formal e a salutar ocupação dos tempos livres, são dois dos principais objectivos inerentes às iniciativas e medidas do Pelouro da Juventude.

Oferecer actividades capazes de criar e desenvolver novas e diferentes aptidões é um desafio que cabe às políticas de juventude, promovendo assim, uma melhor e consequente ocupação dos tempos livres dos mais jovens. Desta forma, proporcionamos a possibilidade de cultivarem novas ocupações e interesses que lhes permitam também abrir e descobrir novos caminhos de vida.

A questão da empregabilidade é uma das que mais preocupam os jovens e consideramos por isso também importante o papel das autarquias na implementação de politicas de juventude que valorizem o conhecimento e a experimentação e, facilitem assim, a descoberta de novas e diferentes actividades e ocupações.

O contacto dos mais jovens com estas novas experiências e actividades potenciam a criação de novos conhecimentos, descobrindo desta forma novos horizontes e percursos pessoais e/ou colectivos (como é o exemplo do associativismo) que no futuro lhes oferecerão mais e diferentes opções de vida, tornando o seu ingresso no mundo profissional menos difícil e moroso.

Por outro lado, a ociosidade associada aos tempos livres existe apenas pelo simples facto de não ser oferecido aos jovens actividades e ocupações inovadoras e atractivas, sem qualquer mais valia e novos conhecimentos inerentes.

Assim, o Pelouro da Juventude apresenta hoje aos Jovens Famalicenses, e pela primeira vez no nosso concelho, uma Formação de Jovens Actores para Televisão.

Esta iniciativa permitirá aos jovens, mais do que bons momentos de divertimento e convívio, a possibilidade de descobrirem aptidões e talentos que eventualmente desconhecem possuir. Permitirá cativar o interesse e proporcionar a experimentação de uma actividade que até agora julgavam apenas acessível a outros. Proporcionará a aquisição de novos conhecimentos que serão certamente uma valia para o seu futuro e para a sua vida.

A Formação de Jovens Actores para Televisão é uma parceria com a agência de actores e modelos EmAgenda. Contará com a participação de diversos actores conhecidos da televisão nacional, tais como Maria João Luís, Maria João Pinho, António Capelo e Sofia Alves. Da direcção e do grupo de formadores participam ainda Adriano Luz e José Martins, da NBP, uma das maiores produtoras nacionais de programas e telenovelas, responsável, inclusivamente, pelo casting dos actores para a mais conhecida telenovela entre os jovens portugueses, Morangos com Açúcar, bem como, Elsa Valentim, actriz e directora da Escola de Actores ACT.

A Câmara Municipal deposita grandes expectativas na cooperação estabelecida para a organização desta Formação, na medida em que oferece aos jovens famalicenses a possibilidade de revelarem e desenvolverem talentos nesta área ainda tão pouco explorada em Famalicão e pelos Famalicenses, como forma de potenciar a sua dimensão artística. É uma oportunidade, como outras que este Município, tem oferecido, que visa não só a formação objectiva de actores, mas sobretudo proporcionar a experimentação, atraindo os mais jovens para a arte da representação, seja ao novel da televisão, do teatro, ou outras formas.

Á semelhança de outros projectos, com o objectivo de aproximar os jovens às artes como são exemplo o Festival de Teatro Amador “Terras de Camilo”, a Mostra de DJ´s Locais ou o Moda Famalicão, lançamos hoje esta iniciativa, numa outra vertente artística, estando também agendadas a curto prazo novas iniciativas, como a “Gala de Jovens Fadistas” e o Projecto “Famalicão com Pinta”, este voltado para a expressão plástica.

A formação decorrerá na Casa das Artes, aos sábados à tarde, durante um período de quatro meses. Terá um custo de 125,00 Euros por mês, que adiantamos ser, graças à parceria com a Câmara Municipal, um valor substancialmente mais baixo do que seria em circunstâncias normais. A inscrição, no valor de 25,00 Euros, será gratuita para os portadores do Cartão Jovem Municipal e o numero limite de participantes é de 50 jovens, divididos em 2 turmas.

Finalmente agradecemos a disponibilidade das senhoras e senhores jornalistas, contando com a v/ colaboração, que sempre demonstraram, na divulgação desta actividade dirigida aos jovens Famalicenses.

Habitação Social de Paços de Ferreira em Famalicão

.


A Politica Social de Habitação do município de Vila Nova de Famalicão, voltou ser palco de “visita”.

Depois das Câmaras Municipais de Fafe, Vizela e S. João da Madeira, hoje, foi a vez da Câmara Municipal de Paços de Ferreira. Uma delegação daquela autarquia, chefiada pelo Dr. António Coelho, Vereador da Habitação Social visitou durante a manhã, acompanhado de Jorge Paulo Oliveira, o Complexo Habitacional das Lameiras.

O objectivo da visita foi conhecer o modelo de gestão deste complexo em matéria de acompanhamento social, manutenção e reabilitação do património edificado e, muito em especial, a partilha de responsabilidades dessa gestão entre a autarquia famalicense e a Associação de Moradores das Lameiras a qual se encontra vertido num Acordo de Colaboração assinado em 20 de Maio de 2004, objecto de sucessivas renovações.

A Câmara Municipal de V.N. de Famalicão no âmbito do Programa Municipal “Mudar de Casa, Mudar de Vida”, cedo apostou na concretização do entendimento de que a gestão dos parques habitacionais devia assentar na responsabilização colectiva e no envolvimento de todos os seus actores, como forma de obter de graus superiores de eficácia, de agilização de procedimentos e consequente aumento da satisfação residencial dos seus moradores.

Os frutos dessa politica são hoje visíveis no terreno, o que conduziu a que a Associação Empresarial de Portugal, rotulando de “exemplar” o trabalho até aqui desenvolvido no âmbito da Habitação Social, considerou que as boas práticas, saberes e experiências mereciam ser partilhadas neste importante domínio da intervenção autárquica.

domingo, Fevereiro 25, 2007

Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo para três colectividades

.

.



A Associação Desportiva Oliveirense, o Grupo Desportivo de Joane e o Riba de Ave Hóquei Clube, vão celebrar Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo com a Câmara Municipal.

A proposta foi aprovada na reunião do executivo camarário de quarta-feira, dia 21 de Fevereiro, envolvendo para o efeito a transferência global de 215.000,00 € por parte da autarquia.

Os Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo dizem respeito à presente época desportiva (2006-2007) e destinam-se em exclusivo, a apoiar os escalões de formação daquelas associações.

A Associação Desportiva Oliveirense, fundada em 20 de Abril de 1952, foi contemplada com a verba de 85.000,00 €. Esta colectividade movimenta 225 atletas nos escalões de formação, divididos pelos Juniores, Juvenis e Iniciados, todos a disputar os Campeonatos Distritais da Associação de Futebol de Braga, e ainda os Infantis e as Escolinhas, ambos em competições não filiadas.

O Grupo Desportivo de Joane, fundado em 10 de Junho de 1930, receberá a verba de 110.000,00 €. Ao todo são 157 atletas nos escalões de formação, entre Juniores e Juvenis, ambos nos Campeonatos Distritais da A.F. Braga e Escolinhas (competição não filiada).

Por fim, o Riba de Ave Hóquei Clube, foi contemplado com a atribuição de um apoio financeiro de 20.000,00 €. Fundado em 28 de Janeiro de 1972, esta colectividade movimenta 85 atletas entre Juniores (Campeonato Nacional) Juvenis, Iniciados e Infantis, todos a disputarem os Campeonatos Regionais da Associação de Patinagem do Minho, e Escola de Patinagem (competição não filiada).

Na base da atribuição destes subsídios e celebração dos correspectivos contratos está o facto de estas instituições desenvolverem uma intensa actividade no fomento da prática desportiva, prestando, por essa via relevantes serviços aos jovens residentes na área do Município de Vila Nova de Famalicão.

Na verdade, estas associações cumprem uma verdadeira função social, já que ao acolherem centenas de jovens que, desde muito novos, praticam uma modalidade desportiva, estão a contribuir para a sua formação física e mental, ocupando de uma forma saudável os tempos livres daqueles.

Atendendo à entrada em vigor da nova Lei de Bases da Actividade Física e do Desporto, e tendo em vista o seu cumprimento, todas estas colectividades fizeram prova do cumprimento das suas obrigações fiscais e para com a segurança social.

Actividades desportivas do C.C.D. Ribeirão com apoio camarário

.


O Clube de Cultura e Desporto de Ribeirão (CCDR), foi na última reunião camarária, ocorrida na passada quarta-feira, contemplado com a atribuição de um subsídio de 12.500,00 €, verba destinada a apoiar o desenvolvimento das suas actividades desportivas.

Fundado em 2 de Fevereiro de 1987 (a escritura de constituição seria outorgada apenas em 22 de Abril desse mesmo ano), tem sido objectivo central desta associação proporcionar aos ribeirenses formas sadias de ocupação dos tempos livres e acesso a espaços de desporto e lazer.

No campo desportivo, embora o atletismo assuma o destaque das modalidades desenvolvidas, já que desde a sua fundação, tem sido nele que estrategicamente vem apostado, o CCDR não descura outras actividades como a Ginástica, Futsal, Karaté, Aeróbica e BTT.

O Atletismo é encarado quer na perspectiva da Formação Desportiva, quer na perspectiva do Rendimento Desportivo, com resultados de grande visibilidade e tendo sempre presente a necessária complementaridade entre ambas, de modo a que o sucesso de uma contribua para o sucesso da outra.

O CCDR tem assim procurado desenvolver um trabalho de formação que contribua para o aparecimento de jovens talentos que possam integrar uma boa equipa sénior e por outro lado que os bons valores do Atletismo Nacional ao representarem o clube possam dar um contributo importante na formação e motivação dos jovens atletas que serão o futuro do clube.

A área do desporto de formação, o CCDR tem em desenvolvimento o projecto denominado “Desporto a Brincar”, voltado para as crianças dos 6 aos 12 anos e integrado na iniciação ao atletismo.

Na presente época desportiva os atletas do CCDR participam em todas as especialidades do atletismo, num total de 33 provas, organizadas pela Federação Portuguesa de Atletismo e pela Associação de Atletismo de Braga em pista coberta, pista ao ar livre e provas de corta-mato e estrada, cujo calendário se estende desde o mês de Outubro ao mês de Agosto.

Apoio financeiro ao S.C. Meães para obras de melhoramentos

.
.
Com o objectivo de apoiar o Sport Clube de Meães, a custear as obras de melhoramentos que esta colectividade tem vindo a fazer no seu recinto desportivo, a Câmara Municipal deliberou na sua última reunião (21 de Fevereiro), a atribuição de um subsídio de 6.000,00 €.

Com sede na freguesia de Calendário e campo de jogos na freguesia de Esmeriz, numa zona fragilizada socialmente, o Sport Clube de Meães, fundado a 26 de Julho de 1977, tem apostado na criação de melhores condições para a prática desportiva, maior segurança e comodidade a todos aqueles que utilizam o seu espaço.

Depois de ter estado inactivo, durante três épocas desportivas consecutivas, em 2003 uma nova Direcção iniciou o relançamento da prática desportiva da associação, nomeadamente nos escalões mais jovens, iniciando em simultâneo a reconstrução das suas instalações desportivas, que durante os anos de inactividade, se foram deteriorando, fruto do abandono e da indevida ocupação por parte de toxicodependentes.

Esta aposta traduziu-se já na criação de um parque infantil, restauro de balneários e espaço de convívio, execução de muros para vedação do campo de jogos e construção de uma bancada.

Projecto "Compal Air"

.

As Escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico de Vila Nova de Famalicão vão beneficiar de um projecto específico direccionado para a prática da modalidade de basquetebol. Trata-se de uma iniciativa da Federação Portuguesa de Basquetebol a que a Câmara Municipal, no âmbito do Pelouro do Desporto, deliberou formalmente a sua adesão, na reunião pública da passada quarta-feira, dia 21 de Fevereiro.

Esta decisão insere-se na politica desportiva do município de, através de uma estreita colaboração com as instituições de ensino, as Federações Desportivas, o movimento associativo concelhio e outras entidades públicas ou privadas com intervenção nesta área, se operar uma diversificação da oferta desportiva e simultaneamente se criarem, desde cedo, hábitos da actividade física, ao alargar-se o leque de oportunidades, cobrindo-se diferentes aptidões e gostos, condições essenciais, entre outros, para o aumento dos índices da participação desportiva e da prática de actividade física dos famalicenses.

Este especifico projecto, ajustando-se às necessidades e complexidades das crianças, propõe uma simplificação da abordagem ao jogo, procurando por essa via, promover a maior participação possível das crianças, numa forma fácil de aprender e jogar basquetebol, proporcionar-lhes uma actividade desenvolvida num ambiente agradável, privilegiando mais o divertimento e o prazer de participar do que o resultado da competição, contribuir para o seu desenvolvimento integral e harmonioso e fomentar o aparecimento de novos praticantes de basquetebol, bem como de novos grupos escolares e de clubes nesta modalidade.

A adesão a este projecto implica a assumpção de responsabilidades para ambas as entidades. A Federação Portuguesa de Basquetebol responsabiliza-se pelo necessário enquadramento humano do projecto, a formação específica dos professores de educação física e o fornecimento gratuito às escolas dos Kits de Basquetebol. Por seu turno, à Câmara Municipal incumbe recolher junto dos agrupamentos de escolas do 1º ciclo do ensino básico, as inscrições para o referido projecto, promover os encontros de mini-basquetebol, entregar o respectivo material e programar as acções de formação dos professores de educação física.

Previamente auscultados, os Agrupamentos de Escolas, que cobrem os 71 estabelecimentos de ensino do 1º ciclo do ensino básico do concelho, demonstraram interesse em aderirem a esta iniciativa.

Entre as muitas acções programadas destaque, desde já, para a realização da primeira acção de formação de professores de educação física, no próximo dia 4 de Abril e o Torneio Cidade de Famalicão de mini-basquetebol, no dia 27 de Maio.

sábado, Fevereiro 24, 2007

Circuito Nacional de Badminton em Juvenis, Juniores e Veteranos

.

O Pavilhão Municipal volta a receber uma prova do Circuito Nacional de Badminton, desta feita nos escalões de Juvenis, Juniores e Veteranos, depois de ter sido palco de idêntica ronda nos escalões de Benjamins, Infantis e Iniciados, no inicio do passado mês de Janeiro.

A prova, uma organização da Federação Portuguesa de Badminton e da Associação de Badminton do Norte, com o apoio da do Pelouro do Desporto da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, realiza-se este fim-de-semana.

O circuito Nacional é composto por seis provas, Vila Nova de Famalicão é a quinta, depois de Sesimbra, Estombar, Miranda do Corvo e S. Maria de Lamas, e destina-se a apurar os atletas que vão disputar o Campeonato Nacional a realizar em 5 e 6 de Maio, do corrente na ano.

Na prova famalicense, são esperados cerca de 180 atletas, vindos de todos os pontos do país, incluindo das regiões autónomas. Dos atletas do Famalicense Atlético Clube onde a modalidade é praticada há 26 anos, ao mais alto nível, esperam-se muito bons resultados na senda dos verificados, nestas categorias, ao longo da presente época desportiva.

quinta-feira, Fevereiro 22, 2007

João Garcia vem a Famalicão

.

Com entrada livre, o Pelouro da Juventude da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, organiza já no próximo dia 27 de Fevereiro (terça-feira), pelas 10.00 horas, no Salão Nobre da Universidade Lusíada, uma conferência com o conhecido alpinista JOÃO GARCIA, o primeiro português a subir ao Monte Everest, com 8.848 metros, o cume mais alto do planeta, sem recurso a oxigénio artificial e sem carregadores de altitude.

A proeza alcançada a 18 de Maio de 1999, valeu a João Garcia, 93 dias de internamento num hospital de Zaragoça, em Espanha, a perda das pontas dos dedos e a reconstrução do nariz, por causa das queimaduras do gelo. O belga Pascal Debrouwer, seu colega de escalada encontrou a morte, ao cair durante a descida, numa ravina.

Das catorze montanhas com mais de 8.000 metros existentes no planeta, todas localizadas na cordilheira dos Himalaias, no continente Asiático, entre a Índia, China, Nepal, Paquistão e Tibete, João Garcia, ascendeu já a sete delas: Cho Oyo em 1993, Dhaulagiri em 1994, Everest em 1999, Gasherbrum I em 2001, Gasherbrum II em 2004, Lhotse em 2005 e Sishma e Kangchenjunga, no ano passado.

Até aos dias de hoje, apenas 11 pessoas escalaram estas 14 montanhas e apenas mais 16 o fizeram acima dos 10 cumes escalados. João Garcia tem como objectivo integrar este clube restrito de alpinistas que venceram a Natureza. Com o patrocínio do Millennium BCP, iniciou em 2006, o projecto "À conquista dos Picos do Mundo", que culminará em 2010 com a escalada da totalidade destas 14 montanhas. A ascensão ao Kanchenjunga ocorreu no ano passado, a que se seguirá, já neste verão, a difícil subida a K2 (8611 m Paquistão/China), Makalu, na primavera de 2008 (8463 m Nepal/China/Tibete), Manaslu, em Outono desse mesmo ano (8163 m Nepal), Annapurna na primavera (8091m – Nepal) e Broad Peak no verão de 2009 (8047 m -Paquistão/China) e, finalmente, no verão de 2010, Nanga Parbat (8125 m – Paquistão). Tal como na subida ao Everest, também em todas estas expedições João Garcia não usará máscara de oxigénio.

João Garcia, nasceu em Lisboa a 11 de Junho de 1967. Toda a sua actividade profissional está ligada ao alpinismo. Além das escaladas que já realizou é organizador e guia de expedições e excursões de aventura. Monitor de alta montanha, está igualmente ligado ao uso industrial das técnicas de escalada (trabalhos verticais), tal como à dinamização da escalada através de estruturas artificiais (muros de escalada). Actualmente o único português “cameraman” de altitude e de condições extremas, realizou vários documentários sobre as suas expedições, e que têm sido transmitidos nas televisões portuguesas. Em 2001, lançou o livro "A mais alta solidão", que conta já com várias edições e onde retrata alguns dos acontecimentos mais dramáticos da sua vida, seguindo-se-lhe “Mais Além - Depois do Evereste".

A sua paixão pelas escaladas começou quando foi, com 15 anos, a primeira vez à Serra da Estrela. A sua primeira ida aos Alpes em 1984, intensifica e solidifica essa paixão, ano em que, entre outras montanhas, escalou pela primeira vez ao Monte Branco (4807m).

Atleta de competição de triatlo, desporto que lhe possibilitava adquirir a resistência física necessária para superar as múltiplas dificuldades no montanhismo, foi em 1990, seleccionado para uma comissão de serviço de 3 anos no Quartel Supremo das Forças Aliadas, na Bélgica. A proximidade geográfica com os Alpes, deu-lhe novas oportunidades de aí desenvolver a sua actividade.

A partir desse momento, a sua actividade de alpinista intensifica-se e começa aqui a sua preparação para as escaladas acima dos 7.000m e o começo dos desafios que haveriam de surgir na sua vida.

Em 1993 iniciou a sua actividade como himalaísta, integrando uma expedição Internacional polaca (liderado por Krzysztof Wielicki) ao monte Cho-Oyu (8201m) no Tibete, tendo já escalado 6 dos sete cumes mais altos dos 7 “continentes”: Evereste (Ásia), Aconcágua (América do Sul), Mckinley (América do Norte), Elbrus (Europa), Monte Vison (Antárctida) e Kilimanjaro (África). Resta-lhe a Pirâmide de Carstenz (Oceania).

O inicio de uma revolução nos transportes de passageiros

.








A Câmara Municipal e a empresa TUF – Transportes Urbanos de Famalicão, Lda, apresentaram publicamente na passada segunda-feira, dia 19 de Fevereiro, o “Passe Sénior Feliz”, que vai permitir aos munícipes, com idade igual ou superior a 65 anos viajarem por todo o concelho e em qualquer uma das empresas de transportes públicos urbanos e interurbanos que operam no concelho, a preços extremamente reduzidos, via comparticipação da autarquia.

A cerimónia, que assinala o início de uma revolução dos Transportes Colectivos de Passageiros no município de Vila Nova de Famalicão, foi apadrinhada por Fernando Cunha, Director Geral dos Transportes Terrestres e Fluviais, em representação da Secretária de Estado dos Transportes, e contou ainda com as presenças da Secretária Geral da ANTROP (Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Passageiros), e dos administradores da Rodoviária de Entre Douro e Minho, Transdev e Auto Viação de Landim/Pacense.

O “Passe Sénior Feliz”, apresenta múltiplas vantagens:

Um único passe utilizável em todas as empresas de transportes públicos de passageiros, urbanos (TUF) e interurbanos (REDM / TRANSDEV, da AUTO VIAÇÃO LANDIM e da ARRIVA PORTUGAL) que operam no concelho;
Baixíssimo custo da sua aquisição (6,75 €), contra, por exemplo os actuais, 26,00 € do Passe da rede geral dos TUF, ou os 31,46 € de um passe para um residente na Vila de Ribeirão, ou os 39,83 €, para um residente na Vila de Joane, ou nas freguesia de Gondifelos ou Arnoso, Santa Maria, ou ainda, por exemplo, os 57,66 € para um morador na Vila de Riba de Ave.

A cerimónia foi ainda marcada pelo anúncio da entrada em funcionamento de um novo sistema de bilhética, da mais moderna geração e a incorporação nas viaturas do sistema – DATACAR – destinado à leitura sem contacto dos passes e bilhetes simples, que obrigou a um investimento de 185.000,00 €.
.
O “Passe Sénior Feliz”, bem como os novos Cartões de “Passe Regular” e de “Mulviagens” dos TUF, além do novo e apelativo grafismo estão dotados de moderna tecnologia sem contacto, facto que afigura vantajoso para o utilizador (facilidades na sua aquisição e utilização, possibilidade de recuperação em caso de roubo ou extravio e, no futuro, possibilidade de carregamento através da Internet), mas também à própria operadora já que facilita o trabalho dos motoristas, permite a obtenção de dados reais necessários à boa organização do serviço e consequente redução de trabalho administrativo.

A modernização dos TUF passa ainda pela introdução de uma nova imagem, mais moderna e apelativa e pela renovação da sua frota, tendo sido apresentados quatro novas viaturas que entrarão ao serviço já no próximo dia 1 de Março, envolvendo um investimento inicial de 330.000,00 €.

Open de Matraquilhos foi um sucesso

.
Os Deltinhas foram os grandes vencedores da prova que marca o inicio do ano desportivo da modalidade
.
O 1º Open de Matraquilhos, realizado no passado fim-de-semana, dias 16, 17 e 18 de Fevereiro, no Pavilhão de Eventos da zona comercial do Lago Discount, na freguesia de Ribeirão, foi um sucesso, superando a melhor das expectativas da Federação Portuguesa de Matraquilhos, entidade organizadora do torneio com o apoio do Pelouro do Desporto da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

Para a FPM, a prova excedeu em muito o número de espectadores e de equipas participantes esperadas. Inicialmente a competição estava destinada a receber apenas 8 equipas, mas a forte adesão verificada obrigou a organização a aumentar o número de participações para 16. Só por dificuldades de logística não foi possível chegar à 48 equipas.

Os “Detinhas” foram a dupla vencedora do torneio, tendo derrotado por 2-0 a equipa “Café Delta”. O terceiro lugar do pódio foi conseguido pela dupla dos “C.P. Trabalhadores de Riba D’Ave” e o quarto pelo “Café Floresta”. Os dois primeiros classificados ficaram directamente apurados para o Eurotur, a segunda prova oficial da Federação, a realizar nos dias 30 de Março e 1 de Abril.

O apoio da Câmara Municipal inseriu-se na vertente de promoção e apoio à realização de eventos desportivos, que possam ir de encontro às diferentes aptidões e gostos desportivos dos famalicenses, cobrindo a maior diversidade possível das modalidades.

Carnaval de Seide S. Miguel

.

Centenas de pessoas assistiram e participaram no 3º Carnaval da freguesia de Seide S. Miguel, que decorreu na tarde do passado domingo, dia 18 de Fevereiro, um evento que vem crescendo todos os anos.

O animado cortejo de mascarados, que percorreu as Ruas de Cova, Padre Benjamim Salgado, Seara, Tapada, J.J. Guimarães e Avenida S. Miguel terminou no Parque da Junta de Freguesia, onde se seguiu a atribuição de prémios para o “Mais Bem Vestido”, a “Melhor Máscara Individual”, o “Grupo Melhor Trajado” e o “Prémio Jovem”, este último patrocínio do Pelouro da Juventude e entregue pelo próprio vereador ao jovem casal, vencedor de um fim-de-semana totalmente gratuito numa Pousada de Juventude à escolha dos mesmos.


quarta-feira, Fevereiro 21, 2007

Cinquentenário do Brufense Atlético Clube

.

O Brufense Atlético Clube completou no passado dia 31 de Janeiro, 50 anos de vida ao serviço do desporto. A direcção do clube não deixou passar em claro a data, tendo para o efeito realizado no passado sábado, 17 de Fevereiro, uma festa comemorativa das bodas de ouro, que juntou antigos presidentes do clube e dirigentes da colectividade, amigos, entidades civis e religiosas, com destaque entre estas últimas, do Vereador do Pelouro do Desporto e D. Jorge Ortiga, Arcebispo Primaz de Braga.

Os convidados foram recebidos nas instalações do clube, onde foi servido um ponto de honra a que se seguiu um jantar, num restaurante da periferia da cidade.

A história do BAC, é feito de momentos altos e baixos. Começou por desenvolver a sua actividade desportiva no campo de futebol da Carvalheira, um espaço de reduzidas dimensões, construído numa bouça, arrendada para o efeito.

A primeira participação da equipa fora de portas aconteceu num torneio organizado pelo Futebol Clube de Famalicão, no Estádio Municipal, que o BAC acabaria por vencer.

Dois anos após a sua fundação, o BAC inscreveu-se na FNAT, actual INATEL. Em 1961 inscreveu-se na Associação de Futebol de Braga, onde permaneceu até 1963, altura em que suspendeu a sua actividade.

Em 1988, vinte e seis anos depois, o clube é reactivado aproveitando a construção em curso do campo de futebol no lugar de Lagarinhos, onde ainda hoje permanece. António Ortiga é o grande responsável pelo renascimento da colectividade, abandonando a presidência da colectividade 5 anos depois, sendo substituído por Amílcar Mesquita. O clube esteve novamente á beira de nova desistência. António Ortiga volta assumir os destinos da colectividade, conduzindo-o, na época de 2001/2001, à 1ª Divisão da Associação de Futebol de Braga, onde permaneceria duas épocas. Ao fim de sete anos consecutivos António Ortiga, deixa o Clube, caindo este num novo vazio, desistindo inclusive de competir em seniores.

António Andrade (Cubata) assume a presidência, competindo o clube apenas nas camadas jovens. O seu falecimento, ocorrido num acidente de viação, quando se deslocava do campo e futebol para a sua residência, atira o clube para mais uma difícil fase da sua história. Sucede-lhe, Delfim Pereira, o actual presidente da instituição, não natural de Brufe, mas um amante de futebol.

segunda-feira, Fevereiro 19, 2007

Posse da Associação Académica da Universidade Lusíada

.
Sob a Presidência do Chanceler das Universidade Lusíada, Prof. Martins da Cruz, da Magnifica Reitora da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão, Prof. Rosa Moreira, dos Vice-presidentes da Fundação Minerva e do Vereador da Juventude da Câmara Municipal de V.N. de Famalicão, foram na passada quarta-feira, dia 14 de Fevereiro, empossados os novos membros dos Órgãos Sociais da Associação Académica da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão (AAUL), saída das recentes eleições, disputadas por duas listas.

A nova Associação Académica, a 15ª a tomar posse, é presidida por Ricardo Areal, que prometeu novo dinamismo e maior visibilidade para a associação. Estudante universitário de arquitectura, natural do vizinho concelho da Trofa, Ricardo Areal integrou as duas últimas direcções da Associação, presididas por José Durães.

sábado, Fevereiro 17, 2007

Campeonato Distrital Absoluto de Jovens

.


A Secção de Xadrez do Operário Futebol Clube, com o apoio do pelouro do Desporto da Câmara Municipal realiza nos dias 17, 18, 19 e 21 do corrente mês, o Torneio de Xadrez denominado "Campeonato Distrital Absoluto de Jovens", onde são esperados cerca de 60 participantes provenientes de todo o distrito.
.
O Torneio que se realiza nas instalações desta conhecida colectividade famalicense, fundada em 1 de Janeiro de 1960, abarcar os escalões de sub 8, sub 10, sub 12, sub 14, sub 16 e sub 20.
.
A cerimónia da entrega de prémios, terá lugar no dia 21, pelas 12.00 horas.

sexta-feira, Fevereiro 16, 2007

Há um "Sénior Feliz" a caminho de Famalicão

.


Uma solução social para um problema financeiro.

Não faltam, infelizmente, no nosso país, exemplos de decisões políticas alicerçadas em louváveis propósitos e estudos que, fruto de factores vários, acabam por não verem concretizados, na prática, os seus objectivos.

Disso é exemplo, a criação em 1997 dos Transportes Urbanos de Famalicão (TUF), fundamentado em dois estudos técnicos de credenciadas entidades.

Não foi necessário muito tempo para se constatar a sua reduzida procura, longe do potencial médio de utentes apontados, facto que retirou rentabilidade à empresa e, consequentemente, a arrastou para uma situação económica deficitária, envelhecimento da frota e crescente deterioração da qualidade do serviço prestado.

O encerramento, uma inevitabilidade aos olhos do cidadão comum, não tem forçosamente de o ser. A manutenção de uma empresa privada pode e deve ser analisada na óptica do interesse público. Foi isso o que fizemos na Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

Assumindo que os TUF, prestam um serviço público essencial e social, que a manutenção dos seus postos de trabalho assume relevante importância e, não olvidando os efeitos positivos decorrentes da existência do serviço, como o alivio da densidade de trânsito citadino, a maior mobilidade das populações, a melhor eficiência no transporte dos estudantes, entre muitos outros, decidimos criar o “Passe Sénior Feliz”.

Em alternativa à pura subsidiação, solução adoptada na maioria de situações idênticas, projectamos uma inequívoca medida social que, sob a liderança dos TUF, colheu a maior receptividade e adesão de todas as operadoras de transportes públicos.

A partir de 1 de Março, por apenas 6,75 euros mensais (o valor global do passe é de 13,50 euros, sendo comparticipado em 50% pela autarquia), os munícipes, com idade igual ou superior a 65 anos, vão poder viajar as vezes que quiserem, em qualquer uma das operadoras de transportes públicos urbanos e interurbanos que operam no concelho.

Partindo de um problema concreto, encontrou-se uma solução global de largo alcance social, que se insere, aliás, na política autárquica de solidariedade e de valorização dos seniores famalicenses que tem elevado de forma significativa a sua qualidade de vida.

Servindo como alavanca financeira de ajuda aos TUF, garante-se assim a sobrevivência dos mesmos e, concomitantemente, os efeitos positivos advindos do serviço público que prestam.

Observação: Artigo publicado no “ARRIVA Jornal”, edição nº 002/2007 Fevereiro/Março

Euromilhões Lisboa-Dakar 2007

.
O Euromilhões Lisboa-Dakar 2007 chegou ao fim. Com ele, os sonhos concretizados de uns e as desilusões de muitos que ficaram pelo caminho. Paulo Marques está no lote dos primeiros.

O português com maior número de participações na mais dura prova de Todo-o-Terreno do Mundo, deslocou-se esta semana à Câmara Municipal para oferecer ao presidente da autarquia, Armindo Costa, a foto que retrata a sua chegada ao final da Edição 2007 do Euromilhões Lisboa/Dakar e onde é visível a bandeira do município de Vila Nova de Famalicão.

O piloto famalicense, que soma já 14 participações nesta mítica prova, esteve muito perto do abandono em consequência de problemas mecânicos, mas acabaria por conseguir concretizar o seu objectivo, que desde o início sempre foi chegar ao Lago Rosa.

Paulo Marques teve Rui Benedi a seu lado, no papel de navegador, participando na prova rainha do TT na estrutura da Toyota França, com um Toyota Land Cruiser Longo, vencendo todas as dificuldades, naquela que foi a sua segunda participação ao volante de um quatro rodas.

Paulo Marques/Rui Benedi, ficaram no 80º lugar dos automóveis, atrás dos portugueses Carlos Sousa/Schulz (7º), Miguel Barbosa/Ramalho (24º), Francisco Inocêncio/Fiúza (44º), Nuno Ferreira/Costa (62º), Ricardo Leal dos Santos (70º), Nuno Inocêncio/Santos (76º) e à frente de Luís Ferreira/Sereno (100º) e Mário Ferreira/Sousa (106º). Stephane Peterhansel/Cottret, em Mitsubishi, foram os grandes vencedores.

quinta-feira, Fevereiro 15, 2007

Concurso Público para selecção de adquirentes na Quinta do Passal

.


Decorreu na passada quinta-feira, dia 7 de Fevereiro, a sessão pública, presidida pelo vereador do pelouro de habitação, do sorteio dos concorrentes no concurso público à aquisição de fogos no Loteamento Municipal da Quinta do Passal, propriedade do município, na freguesia de Avidos.

O sorteio incidiu sobre a lista definitiva dos concorrentes admitidos que verificou a presença de todos, tendo determinado a atribuição dos seguintes fogos:

  • Paulo Filipe Maia Ferreira da Silva, fracção A, correspondente ao rés-do-chão esquerdo, do Bloco I.
  • Rui Manuel Neto Marques, fracção G, correspondente ao rés-do-chão esquerdo, do Bloco II.
  • Manuel da Silva Barbosa, habitação unifamiliar correspondente ao lote nº 1.
  • Cátia Alexandra Carvalho Barbosa, habitação unifamiliar correspondente ao lote nº 2.
  • Hélder Filipe Pinto Santos, habitação unifamiliar correspondente ao lote nº 3.

Carnaval 2007 - Alterações ao Trânsito

.
A realização do Desfile Infantil e os tradicionais festejos nocturnos de Carnaval, implicará as seguintes alterações de trânsito:

Interrupção de trânsito entre as 13.45 horas e 16.00 horas, nas seguintes artérias: Rua Manuel Pinto de Sousa, Rua Adriano Pinto Basto, Rua Santo António, Rua Luís de Camões e Rua Luís Barroso, no dia 16 de Fevereiro (sexta-feira).

Trânsito condicionado entre as 09.00 horas e as 17.00 horas, na Rua Luís Barroso, no dia 19 de Fevereiro.

Trânsito e estacionamento proibido na Rua Luís Barroso, junto à Escola Sede nº 2, entre as 01,00 horas do dia 19 (segunda-feira) até às 02.00 horas do dia 20 de Fevereiro (terça-feira).

Estacionamento proibido na Rua Luís Barroso, entre as 06,00 horas do dia 19 (segunda-feira) e as 06.00 horas, do dia 20 de Fevereiro (terça-feira).

domingo, Fevereiro 11, 2007

39º Aniversário do Grupo Desportivo de Ribeirão

.
Dirigentes, sócios e patrocinadores do Grupo Desportivo de Ribeirão reuniram-se ontem, num conhecido restaurante da vila de Ribeirão, para comemorar o 39º aniversário da fundação da instituição, numa cerimónia marcada ainda pela presença do Presidente da Junta de Freguesia, José Reis Moreira, um antigo presidente da colectividade e Jorge Paulo Oliveira, vereador do pelouro do Desporto.

O Grupo Desportivo de Ribeirão, fundado a 1 de Fevereiro de 1968, tem sido um digno representante do desporto famalicense, com resultados que orgulham não só a Vila de Ribeirão, mas também o Município de Vila Nova de Famalicão.

Para além do comportamento regular da equipa Sénior, actualmente a disputar a II Divisão Nacional, as camadas jovens tem sido uma aposta do Grupo Desportivo de Ribeirão. Com mais de duzentos atletas, a colectividade participa nos Campeonatos Distritais de Juniores, Juvenis, Iniciados e Infantis, nos quais tem obtido resultados muito positivos. O clube cumpre, também, a obrigação social de educar e formar os jovens de Ribeirão e freguesias vizinhas, proporcionando-lhes a prática de uma modalidade salutar.

Skipark de Vila Nova de Famalicão

.

A criação do "skipark", uma estrutura cuja superfície simula a neve natural, permitindo a prática de desportos de Inverno em qualquer época do ano, previsto para as traseiras do empreendimento comercial Lago Discount, em Ribeirão, obteve luz verde do executivo camarário, podendo avançar em moldes diferentes dos anteriormente projectados.

A Câmara Municipal deliberou na passada quarta-feira, dia 7 de Fevereiro, proceder à alienação da parcela de terreno com uma área total de 11.500 m2, cujo desnivelamento se revela apropriado para, em condições ideais, receber este tipo de equipamento desportivo.

Sobre este mesmo terreno e tendo em vista aquele fim, a autarquia já em 23 de Novembro de 2005, havia deliberado celebrar um contrato de arrendamento pelo período de 10 anos, mediante o pagamento de uma renda mensal de 1.500,00 €.

A empresa, porém, por razões ligadas ao financiamento do empreendimento onde lhe era exigida uma garantia real, acabaria por não avançar com o projecto, propondo-se agora a adquirir o terreno pelo valor pecuniário de 100.000,00 €, acrescidos de um conjunto de benefícios de marketing e publicidade institucional ao Município pelo prazo de 10 anos, contrapartidas estas avaliadas em 490.000,00 €.

Com uma localização privilegiada, beneficiando da proximidade da Estrada Nacional 14 e do nó de ligação às auto-estradas A3, que liga o Porto a Braga, e A7, que liga Guimarães à Póvoa de Varzim, o futuro Skipark de Vila Nova de Famalicão terá apenas como concorrente igual infra-estrutura já existente na localidade de Manteigas, na Serra da Estrela.

Dada a proximidade do concelho famalicense com grandes cidades, como Braga, Porto, Guimarães, Viana do Castelo, Barcelos, entre outras, é expectável que este equipamento venha a receber cerca de 30 mil pessoas por ano.

De acordo com o projecto, o edifício principal que albergará todos os serviços administrativos e armazém de equipamentos, será instalado no nível do parque de estacionamento. Descendo para um primeiro nível do terreno, será o acesso às pistas. A pista principal contará com uma largura de 30 metros e terá um comprimento de cerca de 120 metros, terminando na cota inferior do terreno.

A proposta segue agora para a Assembleia Municipal para efeitos de autorização da desafectação daquela parcela de terreno do domínio público municipal para o domínio privado e sua venda.

quarta-feira, Fevereiro 07, 2007

Gira-Volei vai continuar em Famalicão

.
A Câmara Municipal aprovou na sua reunião de hoje, a proposta do pelouro do desporto visando a renovação do Protocolo com a Federação Portuguesa de Voleibol, no âmbito do Projecto Gira-Volei, iniciado em Vila Nova de Famalicão no ano de 2004 e abrange já a totalidade das escolas do 1º ciclo do ensino básico, às quais foram fornecidas kits de voleibol ao Ar Livre, incluindo conjuntos de bolas de voleibol. A renovação do protocolo constitui a Federação Portuguesa de Voleibol na obrigação de proceder à manutenção ou substituição dos Kits já instalados, entrega de novas bolas às escolas, t-shirts aos participantes, realização gratuita de seguro desportivo e dinamização das competições e eventos. À Câmara Municipal, por seu turno, incumbe recolher junto da comunidade escolar, as inscrições ou renovações dos participantes, entrega do respectivo material e participar nas várias competições e eventos realizados pela FPV para o Centro Gira-Volei. O Projecto Gira-Volei, assenta numa nova abordagem da modalidade que, sem deixar de contemplar a estrutura basilar do jogo de Voleibol, se apresenta como uma forma divertida da prática desportiva, promovendo o papel pedagógico do jogo que é a obtenção de êxito e prazer nas crianças. Este projecto concretizado em parceria com as autarquias locais, as Escolas e estruturas associativas e culturais, conduziu a que até ao momento e em termos nacionais, tivessem sido criados mais de 1.500 centros, envolvendo cerca de 67.000 jovens, 119 cidades e vilas e 36 concelhos. Na última época foram formados 800 monitores e fornecidas 4.000 bolas e 500 kits Gira-Volei, tendo sido realizados 10.000 jogos oficiais.

Carnaval 2007

.
À semelhança de anos anteriores, a Câmara Municipal vai associar-se à época de fantasia e de diversão que constitui a quadra do Carnaval, num concelho que tem sido palco da adesão de largos milhares de famalicenses e de muitos forasteiros. Assim, no dia 16 de Fevereiro (sexta-feira), realizar-se-á o tradicional Desfile de Carnaval Infantil e o Concurso de Máscaras Carnavalescas, destinado às crianças dos jardins de infância e escolas do 1º ciclo do ensino básico. O Desfile partirá dos Paços do Concelho, pelas 14.30 horas, seguindo pelas Ruas Adriano Pinto Basto, Santo António e Luís de Camões, terminando no Parque da Juventude onde haverá um espectáculo de grande animação, servido de um pequeno lanche. Por seu turno na noite de Carnaval, 19 de Fevereiro (segunda-feira), a autarquia em colaboração com os bares e cafés das Ruas Luís Barroso e Luís de Camões, elaborou um programa de animação onde se destaca a actuação do grupo musical “Ledicia”, espectáculo de pirotecnia, para além do já tradicional desfile e concurso de máscaras. A proposta foi aprovada na reunião camarária de hoje, envolvendo as duas iniciativas um gasto previsional de 23.800,00 €.

terça-feira, Fevereiro 06, 2007

1º Open de Abertura em Matraquilhos

.
.
Vila Nova de Famalicão, abre o ano desportivo de 2007 do Futebol de Mesa (vulgo matraquilhos), com a realização do 1º OPEN DE ABERTURA, que terá lugar nos dias 16,17 e 18 de Fevereiro, no Pavilhão de Eventos do Lago Discount, na freguesia de Ribeirão.

O evento é uma organização da Federação Portuguesa de Matraquilhos (FPM), em estreita colaboração com o Pelouro do Desporto da Câmara Municipal.

A realização desta competição, constitui uma oportunidade para os famalicenses, amantes desta modalidade, apresentarem as suas qualidades e capacidades, podendo os interessados inscrever-se até ao próximo dia 11 de Fevereiro, contactando o membro desportivo famalicense da FPM, Carlos Teixeira, através do telemóvel 969 289 211, ou através do e-mail ddfamalicao@fpm.pt.

As equipas que se classificarem no primeiro e segundo lugares, neste torneio, ficarão automaticamente apuradas para o Eurotour, a realizar em Março, pela FPM.

A prática dos matraquilhos surgiu em 1936, pela mão do galego Alexandre Finisterre, que quando internado no hospital de Monserrat, devido a ferimentos durante a Guerra Civil Espanhola, conheceu muitas crianças também feridas e impossibilitadas de jogar futebol. Então, inspirado pelo ténis de mesa e motivado pelas crianças criou o Futebol de Mesa – matraquilhos.

O jogo rapidamente divulgou-se pela Europa. Tanto que, na década de 1960, quando Alexandre Finisterre regressou a Espanha, o jogo encontrava-se já largamente conhecido. Em Portugal, ganhou também grande popularidade, sendo equiparado aos jogos tradicionais. Refira-se ainda que a FPM foi criada em 2006, tendo já um vasto calendário de competições para o ano de 2007, a nível nacional e internacional.

segunda-feira, Fevereiro 05, 2007

Visados empréstimos junto do INH

.
Os pedidos de contracção de empréstimos efectuados pela Câmara Municipal junto do Instituto Nacional de Habitação, para financiamento dos doze fogos na Urbanização das Austrálias, freguesia de Requião e quatro na Urbanização da Gábila, no Bairro de S. Vicente, freguesia de Gavião, destinados na sua totalidade ao arrendamento social e inseridos no Programa Municipal “Mudar de Casa, Mudar de Vida”, receberam luz verde do Tribunal de Contas, o qual em sessão diária de visto de 31 de Janeiro de 2007, deliberou conceder visto aos processos nºs 2244/06 e 2245/06, que incorporavam tais pedidos. Os dois empréstimos, que totalizam o valo global e máximo de 467.112.00 €, poderão agora ser contraídos pelo período de 20 anos, beneficiando de uma baixa taxa de juro, já que pese embora a sua indexação à Euribor a 6 meses, goza de uma bonificação de 60%. Tais pedidos de contracção de empréstimos foram aprovados pela Câmara e Assembleia Municipal, respectivamente nas reuniões de 4 e 29 de Dezembro de 2006.

domingo, Fevereiro 04, 2007

Cal e Moinhos de Vento no Caminho Português de Santiago

.

Um grupo de crianças das Urbanizações da Cal (Calendário) e Moinhos de Vento (Fradelos), complexos de habitação social da Câmara Municipal, foram os protagonistas de uma caminhada, inserida no âmbito do percurso do Caminho Português de Santiago, que passava pelo concelho de Vila Nova de Famalicão com destino à cidade de Compostela, em Espanha.

A caminhada incorporou uma actividade paralela de fotografia sobre fauna e flora, prova de orientação, pintura de t-shirts alusivas ao ambiente e uma explicação sobre a vida dos peregrinos.

O evento organizado pela Associação Vento Norte, em parceria com o Profit, prosseguiu posteriormente, com nova reunião das crianças destinada à mostragem das fotografias, selecção das melhores e consequente atribuição de prémios. Houve ainda tempo para jogos de andas e sapatões, destinados a ajudar a desenvolver o espírito de grupo.

sábado, Fevereiro 03, 2007

Associação Distrital de Dança Desportiva

.
A Associação Distrital de Dança Desportiva de Braga, com sede em Vila Nova de Famalicão, viu recentemente, 24 de Janeiro, ser-lhe atribuído um subsídio camarário de 22.500,00€ destinado a apoiar o desenvolvimento das actividades em prol da cultura e desporto, nomeadamente a participação dos dançarinos famalicenses nas competições de Dança Desportiva, o ensino de dança de salão e danças latino-americanas, no âmbito do desporto sénior, aulas de demonstração gratuitas no Pavilhão da PSP e no Complexo de Piscinas de Joane, realização dos eventos “Animação das Praças” nas noites de Verão de 2007 e “Noite de Danças”, a ter lugar no Pavilhão Municipal das Lameiras, ainda no decurso deste ano. A Associação Distrital de Dança Desportiva de Braga é um dos núcleos de danças de salão mais importantes de Portugal, tendo-se destacado pela brilhante organização de provas nacionais e internacionais na cidade famalicense e pelos seus pares de dançarinos, sendo alguns deles cotados entre os melhores do nosso País. A actividade desta colectividade visa, essencialmente, promover o gosto pela dança desportiva e desenvolver a modalidade junto de toda a população, objectivos que tem colhido junto da autarquia a melhor colaboração, numa aposta de diversificar a sua acção cultural e desportiva. FOTO: Sitio da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

quinta-feira, Fevereiro 01, 2007

Final Four - Iniciados Masculinos

.
O Pavilhão da Escola Secundária Padre Benjamim Salgado, na Vila de Joane, recebe este próximo fim-de-semana a Final Four de Iniciados Masculinos da ABB, que servirá para apurar o Campeão Distrital 2006/2007. A prova organizada pela Associação Teatro Construção (ATC), com o apoio do pelouro do Desporto da Câmara Municipal, terá como equipas participantes, além da ATC, equipa vencedora da fase regular, as equipas do B. C. Barcelos, Sporting Clube de Braga e Vitória Sport Clube. As meias-finais terão lugar no sábado às 15:00 e 17:00, e as finais no domingo pelas 15:00 (apuramento do 3.º e 4.º classificados) e 17:30 (apuramento do campeão distrital). Paralelamente, no domingo (no intervalo dos dois jogos) será realizado um jogo de minibasquete entre as equipas da ATC A e ATC B, bem como uma demonstração de Hip-Hop pelas alunas do FIT CLUB ATC.